Tribunal condena ex-sogro a pagar indenização para a ex-nora

 

O Tribunal de Justiça de Santa Catarina condenou o sr. Manoel Dias Castro a pagar R$ 3 mil a título de i ndenização por danos morais à ex-nora, Sônia Regina dos Anjos Castro.

Segundo os autos, Manoel teria ido ao trabalho de Sônia para difamá-la. Ela afirmou que o réu a chamou de garota de programa e disse que o neto não era de seu filho, na frente de todos os seus colegas de trabalho.

Condenado em 1º Grau, Manoel apelou para o TJ. Sustentou que a acusação é inverídica e que os depoimentos testemunhais são vagos e contraditórios, de modo que não demonstram a veracidade dos fatos.

Para o relator da matéria, desembargador Eládio Torret Rocha, ficou comprovado pelas testemunhas ouvidas e pelo boletim de ocorrência que houve o crime de calúnia e difamação praticado pelo ex-sogro.

“Além disso, tenho para mim, neste contexto, que a importância de R$ 3 mil – contrariamente aos R$ 5 mil fixados na sentença  de primeira instância- apresenta-se mais adequada e justa, principalmente em atenção à hipossuficiência econômico-financeira do apelante, o qual, posto inativo, recebe renda de proventos que não alcançam mil reais”, finalizou o magistrado.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s