O maravilhoso mundo de Olim(k)

O delegado Antonio de Olim anda em evidência por causa do caso Mércia Nakashima. Ele adora um holofote. Há quem o chame de Olink. Ele adora a TV Globo. Os jornalistas e as jornalistas da TV Globo. Anda rodando com um deles na viatura para dar uma forcinha no caso Mércia. No caso do sequestro do jornalista da Globo, ele rodou na viatura com repórteres e produtores da emissora. Investigavam o caso em conjunto. A relação está mais para policial-ganso do que para policial-jornalista.

Olim é um dos meninos de ouro do ex-delegado-geral Marco Antonio Desgualdo. Ao lado de Antonio Nico Gonçalves (Sala Vip) e Carlos Mezher (Cerco Segurança),  Olim prosperou e ficou em evidência na gestão Alckmin/Saulo. Pródiga esta turma de delegados. (Por sinal, se algum leitor souber em que ano o trio se formou na Acedemia ou se conhecer algum colega de turma, por favor, informe este blogueiro). A turma está eletrizada com a possibilidade da volta do chefe ao Palácio dos Bandeirantes.

Mas Olim passou por maus bocados na década de 90. Amargou uma temporada na Sibéria (85ºDP – no distante esquecido Jardim Mirna) depois de tecer comentários nada elogiosos a um ex-divisionário do Deic, na época Depatri, atualmente no Denarc. Chegou a questionar a masculinidade do superior. A conversa foi gravada e mostrada ao caluniado. O resultado foi um exílio na Ilha de Lost.

Mas como é muito querido desta turma, o delegado ganhou nova chance. Voltou ao estrelato na Anti-Sequestro. Até que um dia ele foi fazer cena para outra emissora de TV. Foi prender suspeitos de sequestro. Acompanhado da equipe de um programa sensacionalista, o delegado entrou na casa, agrediu pai, mãe e até o filho de 8 anos que não parava de chorar. Eles foram escrachados, presos, humilhados. Eram inocentes. Os jornalistas-gansos vagabundos não gravaram e não denunciaram o abuso. O caso foi denunciado à Justiça. O delegado e a equipe dele respondem a processo por tortura no Fórum da Barra Funda. Os jornalistas deveriam estar neste processo também, já que foram coniventes, para não dizer cúmplices.

Para saber mais sobre o caso de tortura veja aqui: http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u111478.shtml

Para ver a ligação entre o delegado e o pessoal da Globo veja aqui: http://www.caras.com.br/edicoes/702/textos/cesar-tralli-badala-em-festa-de-aniversario/

Ajuda aí, doutor Olim!

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em Uncategorized

4 Respostas para “O maravilhoso mundo de Olim(k)

  1. Suely

    Que eu saiba, Olim, Nico,Fabio Dalmas, até 1987,ou 88,eram parceiros (invesrigadores)no Garra.Todos foram aprovados no mesmo concurso.
    Hoje o seu amigo o-Link,permitiu que a Band transmitisse o interrogatório do tal segurança, que beleza,que lícito, o coitado não tem advogado, se tivesse….

  2. troca do tuma

    Pedaço de amor

    O advogado Pedro Vieira Abramovay, de 30 anos, que substituiu Romeu Tuma Júnior, teve padrinho fortíssimo para emplacar, tão jovem, no cargo de Secretário Nacional de Justiça.

    Foi indicado, pessoalmente, por Márcio Thomaz Bastos – um dos homens fortíssimos nos bastidores do atual governo e, certamente, do próximo, se Dilma Rousseff vencer a eleição.

    Bastos é muito amigo do pai de Abramovay, cujas irmãs são acionistas da empresa Amor aos pedaços – especializada em doces que acabam com qualquer dieta.

  3. Suely

    Tudo igual,de pai para filho, de sogro para genro….

  4. gisele meira

    O DOUTOR OLIM É UMA EXELENTE PESSOA Q EU CONHECI PESSOALMENTE. ESSA HISTÓRIA DE TORTURA,PARA MIM É PURA INVENÇÃO. ELE JAMAIS TERIA CORAGEM DE FAZER UMA COISA DESSA. COLOCO MINHA MÃO NO FOGO POR ELE. AFINAL ELE É UM DOS MELHORES PROFISSIONAIS Q EU CONHEÇO.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s