'Bico' de pm é roubado e quatro são executados por engano; ladrão escapou

Na Folha de S. Paulo de hoje:

PM é suspeito de matar quatro “por
engano”

Segundo o departamento de homicídios de SP, policial
estava atrás de vingança e confundiu uma das vítimas
com um ladrão

Chacina ocorreu em 22 de março deste ano na zona sul
da capital; também há suspeita de que outros PMs
adulteraram a cena do crime

DA REPORTAGEM LOCAL

Investigações do DHPP (departamento de homicídios da
Polícia Civil paulista) apontam que uma chacina com quatro
mortos na noite de 22 de março deste ano, no bairro Socorro
(zona sul de SP), foi um atentado cometido “por engano” por
um PM atrás de vingança.
O DHHP afirma que o PM Clóvis Silva Alves, 39, é o
suspeito do ataque a tiros contra Luciano de Jesus Machado,
21, Raphael Alves da Silva, Sidney de Oliveira, 34, e Thiago
de Jesus Silva Pessoa, 21.
Uma das vítimas, segundo a polícia, foi confundida com um
ladrão que, na tarde daquele dia, havia tentado roubar um
ponto comercial onde Alves fazia segurança particular.
Durante o roubo, o policial e o ladrão trocaram tiros, mas o
criminoso conseguiu fugir, abandonando sua moto.
Depois de rastrear os dados do ladrão, o PM buscou se
vingar e matou os quatro homens. Localizado pelo DHPP, o
ladrão do mercado, Silas Alves Pereira, confirmou ter
trocado tiros com Alves.
Uma testemunha fez o retrato falado de um dos acusados
pela chacina, e a imagem confere com a de um homem que
fazia segurança particular do comércio com o Alves.
O DHPP também suspeita que PMs que foram ao local da
chacina adulteraram a cena do crime ao recolher cápsulas e
lavar as poças de sangue das vítimas, para impedir a perícia.
Neste ano, São Paulo teve oito chacinas, com 34 mortos.
Na zona leste
Ao menos cinco PMs do 21º Batalhão, na zona leste,
também são suspeitos de integrar um grupo de extermínio
investigado por 11 homicídios, entre 2009 e o dia 8,
conforme revelou ontem a Folha. A última vítima foi
Roberto Marcel Ramiro dos Santos, morto no dia 8, quando
fez 22 anos.
Dezenove dias antes, Santos e sua mãe, Janete Cristina
Rodrigues, 49, foram ameaçados de morte pelo PM Valdez
Gonçalves dos Santos, 36.
Procurado desde a sexta-feira, o comando da PM não se
manifestou sobre Alves e Valdez, não localizados pela
reportagem. (ANDRÉ CARAMANTE)

Link para assinantes:

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/cotidian/ff1705201005.htm

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “'Bico' de pm é roubado e quatro são executados por engano; ladrão escapou

  1. DENOVOOO ????!

    Faliu !

    Faliu !

    olha a reporttagem da GLOBO do DP de Salto denovo !!!
    Roubaram a bolsa semana passada
    Agora arrombaram a porta e invadiram o DP

    http://video.globo.com/Videos/Player/Noticias/0,,GIM1264792-7823-DELEGACIA+E+ASSALTADA+EM+SALTO+SP,00.html

    Faliu Literalmente

    SP é sim a VERGONHA Nacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s