Briga em jogo de truco: homem vira picadinho nas mãos de jogadores

A polícia conseguiu prender em São Paulo três acusados de matar e esquartejar Ricardo Gonçalves de Sales, no último dia 26 de novembro. O quarto envolvido no crime continua foragido. Segundo as primeiras informações, o crime aconteceu durante uma briga ocorrida enquanto o grupo realizava uma partida de truco.

Os acusados foram identificados apenas pelos pré-nomes de Ronaldo e Edson, na casa dos imãos Sandro e Adriano.

O crime aconteceu na Travessa Francisco Renzo, 74, altura do 3.000 da Avenida Imirim, Vila Nova Cachoeirinha, zona norte de São Paulo.
O corpo de Ricardo Gonçalves de Sales vai ser enterrado no próximo sábado, no Cemitério Municipal Chora Menino, na Rua Nova dos Portugueses, na região de Santana.

Ricardo foi morto e esquartejado e as partes do corpo foram encontradas em vários endereços diferentes.

Durante a discussão, Ronaldo cortou o pescoço da vítima com um estilete e a golpeou com 20 facadas pelo corpo . Em seguida, os quatro acusados esquartejaram o corpo de Ricardo. Inicialmente o corpo foi enterrado no fundo do quintal da casa.

De lá pra cá, o cheiro foi ficando muito forte, pois a cova era rasa. Por isso, os acusados resolveram desenterrar o corpo e esconder suas partes em ruas diferentes do mesmo bairro.

A cabeça foi deixada em um bueiro na Rua Carolina Roque. Os braços estavam em bueiro da Rua Manuel Pita. O restante do corpo (tórax e pernas) foi encontrado dentro de um sacola em frente à casa dos irmãos Sandro e Adriano

O mau cheiro da sacola chamou a atenção dos moradores do bairro que, quando perceberam que se tratava de um corpo em estado avançado de decomposição, chamaram a polícia. Os policiais militares desconfiaram, numa rápida busca, localizaram cheiro parecido no quintal da casa, que fica em frente ao local onde o corpo foi localizado.
O Corpo de Bombeiros foi acionado e localizou as demais partes do corpo, como o pé e dedos, enterradas no quintal da casa dos irmãos. A polícia civil prendeu Sandro na casa de sua mãe, no município de Osasco; Adriano continua foragido. Os outros dois acusados, Ronaldo e Edson, também foram presos.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “Briga em jogo de truco: homem vira picadinho nas mãos de jogadores

  1. Leo

    esses cara eh meu vizinho kkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s