Quanta saudade do Stanislaw Ponte Preta

O Ministério Público Federal em São Paulo recomendou que as operadoras de telefonia Vivo, Tim, Oi e Claro não encaminhem ao celular do consumidor, via mensagem de texto SMS ou por qualquer outro meio, mensagens não solicitadas.
Na recomendação, também é requisitado que a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), exerça seu poder regulador e vede que as operadoras encaminhem as mensagens não autorizadas pelos usuários de celular.
O procurador da República Márcio Schusterschitz da Silva Araújo, autor
da recomendação, entende que o cliente tem o direito à privacidade e,
por isso, não deve ser incomodado se não desejar.
“As empresas ofendem a privacidade do usuário invadindo a sua
tranquilidade, o seu sossego enviando mensagens, promoções, jogos de
azar que o cliente não quer receber”, ressaltou o procurador.
As empresas utilizam os dados cadastrais da base de clientes para
enviar mensagens que, muitas vezes, o usuário não quer receber. Para
Schusterschitz, os dados cadastrais não de são propriedade das empresas e não podem ser utilizados como lista de envio de propaganda ou promoções. “Corremos o risco de uma ‘spamização’ do celular”,destacou.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s